Ar + limpo para os pulmões

05/12/2019 | Edição nº 108

A Fetranspor iniciou as medições de emissões veiculares das empresas fi liadas em 1997, com o Programa EconomizAR, o que em 2007 passou a ser feito nacionalmente pelo Programa Despoluir, da CNT, com o Sest e o Senat e as empresas de transporte. Nestes 22 anos, a conformidade com os padrões ambientais dos veículos testados pulou de 48,8% (1997) para 98,7% (2019). Estes veículos testados e aprovados são identificados, desde 2007, com o Selo Verde, fruto de convênio da Federação com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

Arte: Fetranspor

O controle de emissões e outras ações geraram aumento da eficiência global dos motores utilizados e, portanto, uma economia de diesel de 895 milhões de litros no período. Este combustível não utilizado evitou a liberação de uma média de 132,8 milhões de quilos de CO2 por ano na atmosfera, nos últimos 10 anos. A partir de 2009, o diesel no Brasil passou a, progressivamente, ter uma mistura obrigatória de biodiesel, que emite um volume menor de gases do efeito estufa. Inicialmente esta mistura era de 2% e hoje é de 11%. O preço deste combustível de origem vegetal tem flutuações significativas desde 2013 e está muito acima do diesel de origem fóssil.

Arte: Fetranspor

A evolução do óleo diesel e da tecnologia dos motores, em conjunto com o gradual aumento do uso do biodiesel, fez com que o teor de enxofre no óleo diesel em veículos que trafegam na metrópole, baixasse de 2000ppm para 10ppm, consequentemente reduzindo os níveis de material particulado devido a diminuição da presença de sulfatos. Estes mesmos fatores, em particular a adoção progressiva de motores com padrões cada vez mais sustentáveis de emissão de material particulado, reduziram em dois terços a emissão total de material particulado pela frota de ônibus do Estado, no período de 2012 (9,969 ton.) a 2019 (3.183 ton.). Hoje, 65,6% desses veículos roda com motores padrão Euro 5.

Arte: Fetranspor

Comente aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *