BRT do Rio de Janeiro testa tecnologia que monitora performance dos pneus

29/05/2017 |

A empresa Transportes Barra, do Grupo Redentor (RJ), em parceria com a Bridgestone Brasil, iniciou, em fevereiro passado, testes com uma tecnologia que monitora 24 horas a pressão e a temperatura dos pneus dos ônibus, possibilitando maior gestão deste importante componente. A tecnologia, denominada Tirematics, capta informações em tempo real com o objetivo de evitar problemas na operação e atrasos nas viagens, situação que fere uma das principais características do BRT, a pontualidade.

Através de sensores, a tecnologia monitora as condições dos pneus de forma remota e transmite informações gerais, como pressão e temperatura, além de precisar a localização do veículo. Esta ferramenta fornece aos operadores dados valiosos que ajudam a assegurar a eficiência e regularidade das operações do BRT, além de proporcionar maior previsibilidade às viagens e segurança aos passageiros.

Arte: Tirematics

Por meio do monitoramento, é possível antecipar problemas relacionados à pressão inadequada, mesmo com os veículos em movimento. Em caso de alguma intercorrência, o sistema informa, automaticamente, através de um alerta para dispositivos móveis, tanto à supervisão das operações como ao próprio motorista. Além disso, com o Tirematics não é necessário realizar a checagem manual da pressão dos pneus, o que torna a manutenção mais eficiente.

A análise em tempo real das informações resulta em maior durabilidade dos pneus e contribui para a redução dos custos operacionais, diminuindo gastos com combustível e despesas associadas aos pneus.

A tecnologia utilizada pela Transportes Barra é semelhante a que a Mercedes-Benz disponibilizou recentemente ao mercado, mas para utilização em ônibus rodoviários – o TPMS (Tire Pressure Monitoring System), sistema de monitoramento de pressão e temperatura, é um item que se destaca pela simplicidade na verificação das informações que são facilmente identificadas no painel do ônibus.

Comente aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *