Energia Solar: potencial do mercado e passo a passo da instalação

05/12/2019 | Edição nº 108

Dados da Aneel mostram que, desde a criação das normas para geração de energia fotovoltaica, em 2012, até 2016, foram instalados 2.600 sistemas. De 2016 para 2017, esse número já era de 26 mil. A previsão é de que ao fi m deste ano sejam 134 mil sistemas, superando a meta inicial de 104 mil.

Segundo a empresa Solarprime, o mercado está evoluindo rapidamente, com o interesse cada vez maior por geração de energia e matrizes mais limpas. Sandro Cubas, gestor de Franquias da empresa, explica que existe um “custo disponibilidade”, que é a quantia que a concessionária de energia elétrica cobra para tornar disponível essa energia no imóvel. Por isso, os cálculos de custos variam de região para região, e devem levar em conta opções de fi nanciamento e valores cobrados pela concessionária local.

Ele informa sobre o passo a passo da instalação:

1. Orçamento – É feito um pré-projeto, em que se avalia se o imóvel está preparado para receber a instalação e se é necessária alguma adaptação na estrutura. Além disso, verifi ca-se qual é a necessidade de geração de energia do cliente, número de painéis necessários, e como deverão ser dispostos.

2. Aprovação – Realizada a venda, é elaborado projeto, por time especializado de engenheiros, e encaminhado à concessionária de energia elétrica local, para aprovação, após a qual o sistema já poderá ser instalado.

3. Homologação – São recolhidos os documentos para que sejam feitas a homologação e a vistoria do sistema fotovoltaico, pela concessionária de energia. Após seu aval, troca-se o medidor de energia por um relógio bidirecional (que mede a energia consumida e a energia gerada e injetada na rede) e o sistema já está pronto para funcionar.

O período para conclusão desse processo pode ser de até 60 dias, dependendo dos prazos internos e da concessionária. Cubas destaca que a empresa oferece atendimento pós-venda e faz o cadastramento do cliente no sistema de compensação de créditos de energia. Sediada em Campinas (SP), a Solarprime está há 5 anos no mercado de energia solar e tornou-se franquia há 3 anos. Tem 233 unidades, em 25 estados brasileiros e no Distrito Federal. Segue expandindo-se num percentual de 50% ao ano. A projeção é de chegar a 400 unidades instaladas, em 2020.

Arte: Fetranspor

Comente aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *